Wednesday, January 04, 2006

É tudo na hora freguês!

Nós ficamos mal acostumados com o uso da internet. Já repararam que tudo é automático e instantâneo? É tudo na hora freguês! Tá bom, eu sei que nem todos os nossos provedores são tão rápidos assim, mas a velocidade de que falo é relativa; Quando nós usamos a rede, muitas vezes nem sentimos a sua velocidade porque, normalmente, como as tarefas são automatizadas tudo se torna tão rápido, na velocidade da luz, e assim é a informática do século XXI, assim é a velocidade atual de processamento.

Mas, basta alguma sair errada no processo para ocasionar uma grande pane em todo o sistema, que, acreditem ou não, fica mais grave ainda porque aí se torna necessária a intervenção humana direta no processo. Você preenche um formulário aqui, dá um enter esperando uma resposta da máquina no outro lado, mas a resposta não vem, dá um tilt qualquer e pronto, entupiu tudo. Nem precisava falar disso aqui, basta lembrar de quando você vai a um banco e o funcionário avisa como uma cara de desolado: "não estamos atendendo, o sistema está fora do ar".

Pois para desentupir é preciso que alguém, um humano, bem entendido, intervenha no processo, mexa no sistema - será que eles usam um desentupidor daqueles de borracha? Até que isso ocorra, que esse nosso "amigo oculto desentupidor" resolva investigar as razões da pane ou do mau sucedido, demora algum tempo, coisa normal, levando em conta que, se deu tilt com você, deve ter dado com outros usuários também. Ou seja, acumulou serviço, com certeza não é só você que está esperando.

Mas quem é que disse que nós estamos preparados para esperar? Até estamos, nós suportamos galhardamente esperar por uns, digamos, assim... uns bons trinta... segundos... hehehehe!

No comments: